20 de dez de 2013

♡ O Mundo é Bárbaro - e o que nós temos a ver com isso por Luis Fernando Veríssimo




Título: O Mundo é Bárbaro - e o que nós temos a ver com isso
Páginas: 164
Editora: Objetiva
Autor(a): Luis Fernando Veríssimo 








Onde comprar:

Submarino Saraiva 




Luis Fernando Veríssimo é um dos meus escritores gaúchos preferidos. Suas crônicas, ao mesmo tempo que abordam assuntos importantes, são engraçadas. Além disso ele tem uma forma simples e direta de escrever. Veríssimo ficou conhecido em todo o país quando publicou, em 1981, o livro "O Analista de Bagé" (Ele conta com versões para teatro e quadrinhos). É filho do Érico Veríssimo, autor de um dos meus livros favoritos: "Um Certo Capitão Rodrigo".

No livro "O Mundo é Bárbaro - e o que nós temos a ver com isso" ele ressalta momentos importantes da história mundial fazendo críticas e piadas ao mesmo tempo, com isso ele leva o leitor a refletir de uma maneira diferente: com humor. 

Trata-se de um livro de crônicas e é divido em capítulos: Nós no mundo; As condições do tigre e Velhos e novos bárbaros.

"Entreouvia na rua: "o que isso tem a ver com o meu café com leite?" Não sei se é uma frase feita comum que só eu não conhecia ou se estava sendo inventada na hora, mas gostei. Tudo, no fim, se resume no que tem e não tem a ver com o nosso café com leite, no que afeta ou não afeta diretamente nossas vidas e nossos hábitos.

E é bem isso que Veríssimo fala no livro, tudo o que nos afeta indireta e diretamente. Li em junho desse ano, faz um tempinho já, mas é realmente bom, por isso decidi postar aqui. Antes eu não entendia alguns conflitos, como por exemplo a Primavera Árabe, e com ele pude compreender melhor sem precisar me aprofundar sobre o assunto. Vale muito a pena ler! Principalmente se você gosta de política e sociologia.

Eu comprei ele em um Sebo da minha cidade, mas você pode achar em algumas livrarias. Tanto na Submarino quanto na Saraiva está um preço bem salgado, então eu recomendo que busquem na estantevirtual.com.br ou em outros Sebos.











V, M.